CelebridadesColuna SocialEntretenimentoFilmesMúsicaPais e FilhosBicho Animal
Reprodução/ Globoplay

Série As Five da Globoplay, vale assistir? Veja 5 razões

As Five é um spin-off da novela Malhação: Viva A Diferença, da Rede Globo; disponível para assistir na Globoplay com estreia após Tela Quente; leia críticas

Por Ana Carolina, publicado em 07/11/2020 e atualizado hoje.

A série As Five ganhou elogios das críticas antes mesmo de sua estreia na Rede Globo. O agendamento de estreia ficou assim: 12 de novembro disponível para assistir na Globoplay; e 16 de novembro, segunda-feira, disponível para assistir na TV aberta, na Rede Globo, após o Tela Quente. Mas por que vale a pena assistir As Five? Selecionamos 5 motivos que reforçam a atratividade da aposta do Grupo Globo para o streaming com a Geração Z. Acompanhe a seguir com críticas e curiosidades.

Antes das dicas, vamos com as informações técnicas. As Five é uma série de Cao Hamburger, o criador do Castelo Rá-Tim-Bum. A série é protagonizada por cinco jovens atrizes: Heslaine Vieira, Daphne Bozaski, Manoela Aliperti, Ana Hikari e Gabriela Medvedoviski. Elas fizeram sucesso em Malhação. E ganharam continuidade na Globoplay. Veja a sinopse abaixo:

As Five conta a história de cinco amigas, Benê (Daphne Bozaski), Keyla (Gabriela Medvedovski), Tina (Ana Hikari), Lica (Manoela Aliperti) e Ellen (Heslaine Vieira). Seis anos após se formarem no ensino médio, elas se reencontram. Benê estava com a vida estabilizada trabalhando como musicista, até que o seu então namorado Guto (Bruno Gadiol) faz uma revelação chocante que abala a vida da jovem portadora da Síndrome de Asperger. Ela acaba conhecendo Nem (Thalles Cabral), rapaz que lhe traz novas perspectivas. Agora recém demitida, Keyla tem sérias dificuldades para se estabilizar profissionalmente e criar o filho Tonico (Matheus Dias), que teve na adolescência (...)

1: As Five é Cao Hamburger

Quer credencial mais importante que essa? O mestre de Castelo Rá-Tim-Bum. Ganhou o Emmy Internacional duas vezes. Com Malhação Viva a Diferença. E com Pedro e Bianca. As duas séries para o público jovem. Também dirigiu o filme 'O Ano em que Meus Pais Saíram de Férias', em 2006, além de Xingu, Castelo Rá-Tim-Bum, O Filme (Cynthia Rachel, Cassio Scapin e companhia) e A Garota das Telas. Estamos falando de um diretor premiado com esse público.

'Pedi uma pesquisa para entender a geração Z, sobre a qual temos que prestar atenção e falar sobre. Vamos abordar temas adultos, temas mais fortes como sexualidade, relações afetivas no meio desse turbilhão causado pela mudança de comportamento causado pela revolução digital. As personagens estão redescobrindo regras e parâmetros das relações afetivas', explicou em entrevista ao Gshow.

2: As Five é Malhação Viva A Diferença

Em 2019, a Rede Globo comemorou a conquista do Emmy Internacional de Melhor Série na categoria Kids. Malhação: Viva A Diferença. Os fãs pediram a continuidade da história. Queriam saber o que aconteceria com os personagens. Como seriam essas garotas no futuro, hein? Essas mulheres adultas? Então tivemos a confirmação do spin-off na Globoplay. E com um detalhe: a segunda temporada, com episódios inéditos, foi confirmada para 2021.

PublicidadePublicidade

3: As Five é amizade

Quando falamos do quinteto feminino formado por Benê (Daphne Bozaski), Keyla (Gabriela Medvedovski), Tina (Ana Hikari), Lica (Manoela Aliperti) e Ellen (Heslaine Vieira), estamos falando de amizade. Uma amizade que começa na escola e segue pela vida adulta. Será? Uma curiosidade da série de Cao Hamburger são as imagens do arquivo de Malhação. Nas imagens temos as atrizes bem jovens, na escola. E prometendo: jamais vamos nos separar.

Mas, na vida real, sabemos que isso é praticamente impossível. Com a saída da escola, cada um acaba tomando o seu rumo. E novos encontros vão surgindo durante a vida. Neste caso elas ficam três anos sem se ver. São anos sem nenhuma notícia. E aí no primeiro episódio da primeira temporada, logo já temos as descobertas desse reencontro. Sempre destacando a força da amizade.

4: As Five críticas

Vale a pena assistir. As críticas deram prêmios para Cao Hamburger em Viva a Diferença. E com o spin-off não é diferente. O crítico Anselmo Cardoso destacou a seguinte opinião sobre a série da Globoplay:

'Uma série leve e humanizada. Não somente para a Geração Z. Mas acaba despertando uma nostalgia em todos. Como ficaram as suas amizades dos tempos de escola? Tudo isso com a maestria de Cao Hamburger, um novo necessário quando falamos de conteúdo para o público jovem', elogiou o crítico.

5: As Five tocando em temas importantes

Por fim, destacamos que a série As Five toca em temas muito importantes para reflexões da sociedade. Um dos temas é a Síndrome de Asperger. A personagem Benê (Daphne Bozaski) retrata com muita verdade este assunto. São reflexões sobre autismo, sobre preconceito, sobre superação, vida amorosa, enfim, tem de tudo. Em entrevista nos tempos de Malhação, a própria atriz admitiu que tinha uma visão estereotipada sobre a síndrome. 'Pouco conhecia. Então era desconhecimento mesmo. Tinha uma visão caricata. Depois que estudei, aí passa a descobrir coisas fantásticas e que são retratadas com muito carinho em Malhação', destacou à época, em entrevista ao UOL.

Compartilhe com um amigo!

Publicado Por Ana Carolina
Apaixonada por criar conteúdo na área de entretenimento e pesquisar histórias de vida inspiradoras, Carol Oliveira é assessora de comunicação de cantores famosos e especialista na área de redes sociais. A repórter de OsPaparazzi adora aprender com as personalidades que entrevista.
Comentários